vacinacao_priante

Dois anos após o Brasil receber o certificado da Organização Mundial da Saúde de eliminação do sarampo, o vírus volta a ser motivo de preocupação. Surtos da doença foram registrados em dois estados diferentes. Além disso, uma criança de 7 meses faleceu no fim do mês passado, na cidade de Manaus. E a melhor forma de prevenir o sarampo continua sendo a vacinação.

Entretanto, dados do Ministério da Saúde evidenciam que o índice de vacinação no Brasil está bem abaixo do esperado. Vinte estados e o Distrito Federal não atingiram a meta de imunizar 95% das crianças. Os piores índices foram registrados no Acre (75,26%), no Pará (68,45%) e em São Paulo (74,31%).

No dia 28 de junho, uma criança de 7 meses veio a óbito por conta da doença, em Manaus. Amazonas e Roraima são os dois estados que enfrentam um surto da doença. O Ministério da Saúde voltou a alertar sobre a importância da vacinação. Quem tem mais de 26 anos e não teve contato com a doença deve procurar um posto para tomar a vacina. Apenas as pessoas com mais de 50 anos não precisam se imunizar.

As vacinas são um dos mecanismos mais eficazes na defesa do organismo humano contra agentes infecciosos e bacterianos e podem ser encontradas na rede pública e particular.

Cadastre-se  aqui

Gostou deste conteúdo? Faça um comentário!

avatar
Fechar Menu